Notícias

Seguem as negociações de Acordo Coletivo da Ascar/Emater-RS e Fundações

Um dia intenso de negociações teve palco no Auditório do SENGE na tarde dessa terça-feira (08). Com duas Assembleias Gerais Extraordinárias, o SENGE convocou colegas representados da Ascar/Emater-RS e das Fundações FASE, FEPAM, FGTAS, FZB e METROPLAN com o objetivo de deliberarem a proposta encaminhada pelo Governo em 26 de dezembro de 2018 para o Acordo Coletivo 2018/2019.

A primeira Assembleia realizada, da Emater, foi marcada pelo intenso debate e participação da categoria. Na sequência, os profissionais das fundações se reuniram para também debater as alterações propostas pelo patronal.

Ambas as propostas foram rejeitadas pela categoria. Por restarem não mais do que 4 meses até o início da próxima data-base, como contraproposta, a categoria irá solicitar a manutenção das cláusulas anteriores e a aplicação do índice integral de 1,76% nas cláusulas econômicas e sociais.

As Assembleias foram conduzidas pelos diretores Diego Oliz e Nelso Portelinha, que destacaram a importância de manter a mobilização dos colegas ao longo de uma negociação árdua com o governo anterior. A expectativa do SENGE é que o novo governo consiga dialogar com a categoria e apresentar uma proposta coerente.

Imprima esta página