Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.

MEMBRO DO CONSELHO TÉCNICO CONSULTIVO DO SENGE É PAINELISTA NO CONGRESSO BRASILEIRO DE AGRONOMIA

22/10/2021 às 11h00

Luis Humberto Villwock participou do painel “Agronomia, mercado de trabalho e empreendedorismo”. 

 

Nesta quinta-feira (21), o membro do Conselho Técnico Consultivo do SENGE, Luis Humberto Villwock foi um dos painelistas do 32º  Congresso Brasileiro de Agronomia, que acontece em Florianópolis. Villwock também é assessor da Superintendência de Inovação e Desenvolvimento e fundador do Crialab – Laboratório de Criatividade do TECNOPUC (PUCRS). 

O evento é realizado pela Confederação dos Engenheiros Agrônomos do Brasil (Confaeab) e Federação dos Engenheiros Agrônomos de Santa Catarina (Feagro-SC). Esta edição tem como tema central os “Desafios profissionais no mundo em transformação”, trazendo ao centro do debate assuntos relacionados à política profissional e a aspectos que afetam todo o setor produtivo e a segurança alimentar da população. A delegação do SENGE está presente no evento, com a participação do presidente Cezar Henrique Ferreira, do vice-presidente José Luiz Azambuja, dos diretores Vulmar Leite, Dulphe Pinheiro, Katiule Moraes e Nilton Cipriano de Souza, e dos delegados sindicais Cláudio Cunha, Diego de Oliveira e Flávia Kaufmann Samboranha. Também acompanham a transmissão do Congresso por meio virtual os diretores Nelso Volcan Portelinha, Biane de Castro, Gervasio Paulus e Pedro Henrique Guardiola Ferreira. 

Durante o painel que tratou sobre o tema “Agronomia, mercado de trabalho e empreendedorismo”, Luis Humberto Villwock abordou o futuro do trabalho do Engenheiro Agrônomo e o papel dos Ecossistemas de Inovação. Apresentou ainda o case Celeiro Agro Hub, iniciativa que busca soluções para os desafios comuns do agronegócio, integrando produtores, fornecedores, cooperativas, startups, pesquisadores e investidores.  

Com o propósito de encorajar os participantes do Congresso a desenvolverem suas startups, Villwock explicou as oportunidades e conexões possíveis para diferentes atores do agronegócio, destacando as iniciativas do Celeiro Agro Hub, que é liderado pelo Tecnopuc, um dos principais Parques Tecnológicos da América Latina, em parceria com a aceleradora Ventiur que mobiliza uma qualificada rede de investidores, e a AnLab que é um grupo aberto que transforma empresas para que estejam preparadas para as constantes e aceleradas mudanças da atualidade. 

As startups que estão no hub fazem parte de duas modalidades: connected e accelerated. As startups que estão conectadas têm acesso às oportunidades do setor para se desenvolverem e crescerem. As startups aceleradas fazem parte da primeira modalidade e ainda participam do processo de investimento e aceleração do seu negócio. 

Saiba mais sobre o Celeiro Agro Hub 

 

   

Leia Também