Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.

Voluntário do Programa SENGE Solidário realiza projeto estrutural para reconstrução de casas na Vila Cai Cai

13/10/2021 às 14h00

A iniciativa atende o Projeto Levanta Cai Cai, que visa a reconstrução de casas atingidas por grave incêndio na Zona Sul de Porto Alegre.

Maquele eletrônica mostra como ficarão moradias quando prontas /MÃOS: ARQUITETURA, TERRA E TERRITÓRIOS/DIVULGAÇÃO

 

O Sindicato dos Engenheiros deu início no mês de agosto ao cadastramento de profissionais ao Programa SENGE Solidário, iniciativa que contou com significativa adesão dos colegas interessados em colocar seu conhecimento à disposição dos interesses da população e das comunidades em situação de vulnerabilidade social. O convite aos profissionais voluntários para que atuem em conjunto com o Sindicato dá sequência a uma série de ações que já vêm sendo realizadas pela entidade, que vão desde o  recolhimento e distribuição de donativos à Defesa Civil, até doações de computadores e periféricos à Escola Estadual de Ensino Fundamental Willian Richard Schisler, no Menino Deus, e o apoio ao Pão dos Pobres e ao Instituto Popular de Arte e Educação (IPDAE), entre outros.

E o Programa já começou a dar os seus primeiros passos, por meio do apoio ao Projeto Levanta Cai Cai, que busca a reconstrução de casas destruídas por um grave incêndio ocorrido em janeiro deste ano no Loteamento Cavalhada, mais conhecido como Vila Cai Cai, na Zona Sul de Porto Alegre. As residências localizadas neste loteamento apresentam diversos problemas, desde questões fundiárias até estruturais, por conta disto estes habitantes se encontram em situação de vulnerabilida­de em relação a fortes chuvas, incêndios ou ventos. 

Por meio do contato com o professor da Escola Neuza Brizola, João Francisco Pereira Neto, um dos apoiadores do Levanta Cai Cai, foi solicitado apoio ao SENGE nas áreas de projeto, estrutura, orçamento, acompanhamento da execução e também à campanha de arrecadação de recursos e materiais. 

O engenheiro Elvis Carpeggiani, voluntário do Programa SENGE Solidário, imediatamente se prontificou em colaborar com o projeto estrutural, área em que atua com sua empresa Carpeggiani Projetos Estruturais. O grupo de trabalho do Programa SENGE Solidário intermediou o contato do engenheiro Carpeggiani com os coordenadores da iniciativa na Vila Cai Cai e os arquitetos do escritório Mãos - Arquitetura, Ter­ra e Território. Terra. Território, responsáveis pelo projeto arquitetônico.   

O projeto foi elaborado com muita agilidade, contemplando a principal necessidade da comunidade neste momento e oportunizando às famílias darem mais um passo para reerguerem seus lares. Agora o projeto segue buscando apoio às etapas seguintes de arrecadação de recursos e reconstrução das moradias, para a qual são estimados seis meses de trabalho.  

 

Saiba mais sobre o Projeto Cai Cai 

O Projeto Levanta Cai Cai é uma iniciativa da so­ciedade civil, em parceira com o poder público e a iniciativa privada para a reconstrução de casas destruídas por um grave in­cêndio no início deste ano. Este projeto, estas famílias, dependem de ti, de nós, para reerguer seus sonhos, seus lares. 

O Loteamento Cavalhada, mais conhecido como Vila Cai Cai, é um loteamento fruto de um reassentamento realizado pelo DEMHAB na década de 90, localizado na zona sul da cidade de Porto Alegre, próximo ao Parque Natural do Morro do Osso. 

As residências localizadas neste loteamento apresentam diversos problemas, desde questões fundiárias até estruturais, por conta disto estes habitantes se encontram em situação de vulnerabilida­de em relação a fortes chuvas, incêndios ou ventos. 

No dia 8 de janeiro de 2021 um incêndio de grandes proporções atingiu 7 casas localizadas no beco da Vila Cai Cai, levando 6 delas para o chão, deixando estas famílias ao relento em meio à pande­mia do coronavírus. 

Prontamente grupos da sociedade civil se reuniram para auxiliar estas famílias atingidas, em especial a Associação Mães e Pais pela Democracia, a qual já realizava trabalhos junto à comu­nidade, a ASCAT, a AVESOL, a EMEF Neusa Goulart Brisola e o Centro Social Gianelli.  

Através desta associação o escritório de arquitetura Mãos - Arquitetura, Ter­ra e Território, em parceria do escritó­rio Happy Arquitetura e do Escritório Modelo de Arquitetura e Urbanismo da PUCRS - Lugares Laboratório Urba­no realizaram em conjunto o projeto arquitetônico das novas residências que irão abrigar as famílias atingidas  


Participe da campanha de arrecadação de recursos  

O projeto também busca arrecadação de recursos por meio de uma campanha de financiamento coletivo na plataforma Apoia-se. Basta acessar:

Doações pontuais: https://apoia.se/levantacaicai
Doações recorrentes: https://apoia.se/levantacaicairecorrente
PIX: maesepaispelademocracia@gmail.com

Além de doações em dinheiro, é possível contribuir com materiais de constru­ção. 

 

 

 

Leia Também