Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.

Congresso Nacional dos Engenheiros teve início nesta quarta-feira (22)

22/09/2021 às 16h00

O evento elegerá a diretoria da FNE para a gestão 2022-2025 e debaterá os rumos para o próximo período. Na pauta, a defesa dos direitos da categoria, a luta por sua valorização profissional e a batalha por avanços socioeconômicos, à luz do projeto “Cresce Brasil + Engenharia + Desenvolvimento”.  

 

Nesta quarta-feira (22), teve início o XI Congresso Nacional dos Engenheiros (Conse), realizado pela Federação Nacional dos Engenheiros. A programação, realizada de forma virtual, se estende até sexta-feira (24).

O evento elegerá a diretoria da entidade para a gestão 2022-2025 e debaterá os rumos para o próximo período. Na pauta, a defesa dos direitos da categoria, a luta por sua valorização profissional e a batalha por avanços socioeconômicos, à luz do projeto “Cresce Brasil + Engenharia + Desenvolvimento”.  

Participam os 22 delegados representantes do SENGE-RS, homologados em Assembleia Geral realizada no dia 27 de julho, além dos membros natos do CONSE de acordo com o estatuto da Federação: o vice-presidente do Sindicato, José Luiz Azambuja, e o diretor administrativo Tadeu Rodriguez, que também compõem a diretoria da FNE, e o representante do SENGE junto à FNE, Adinaldo Fraga.  Também participam mais 10 representantes inscritos como “congressistas” durante os trabalhos.

A abertura do Congresso foi conduzida pelo presidente da FNE, Murilo Pinheiro, e contou com a participação dos senadores Espiridião Amin e José Aníbal, o secretário Nacional de Empreendedorismo e Inovação do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, Paulo Alvim, o secretário executivo do Ministério do Desenvolvimento Regional, Daniel Ferreira, o coordenador geral de assuntos internacionais do Ministério da Educação, Adi Balbinot Junior, deputados de diversos estados, o presidente do CONFEA, Joel Kruger, a desembargadora do TRT-2, Ivani Bramante, representantes da FIESP, Febraban, Sinaenco, CREAs, entre outras instituições, e os presidentes de todos os Sindicatos dos Engenheiros do País, incluindo o presidente do SENGE-RS, Cezar Henrique Ferreira.

À tarde, foi realizado o painel tratando sobre custeio representatividade das entidades sindicais, com a participação do deputado federal Luiz Carlos Motta ( PL/SP), do presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT) Ricardo Patah, do presidente da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) Antonio Neto, e do presidente da Força Sindical, Miguel Torres. Participaram também na qualidade de comentaristas João Guilherme Vargas Neto e Antonio Queiroz e os dirigentes da FNE José Luiz Azambuja (Senge-RS) e Carlos Abraham (Senge-SC) fizeram considerações sobre o tema.

Acompanhe a programação completa em www.fne.org.br/conse

 

 

Leia Também