Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.

AGRONOMIA, ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO E DE ALIMENTOS DA UFRGS SE DESTACAM NO ENADE

21/10/2020 às 13h30

O Sindicato dos Engenheiros parabeniza a UFRGS e a comunidade acadêmica pelo resultado obtido no ENADE, que avaliou os cursos como as melhores graduações do País.

*Com informações da UFRGS 

 

Os cursos de Agronomia, Engenharia de Controle e Automação e de Alimentos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul foram avaliados como as melhores graduações do País em suas áreas no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE), edição 2019. Os resultados foram divulgados na terça-feira (20) e apontam que a UFRGS registrou os maiores conceitos por faixa de avaliação. 

O Sindicato dos Engenheiros parabeniza a UFRGS e a comunidade acadêmica pelo destaque obtido no ENADE. O vice-presidente do SENGE, José Luiz Azambuja, formado em Agronomia pela Universidade, salienta com orgulho esse resultado: “Tenho muito orgulho de ser formado na melhor Escola de Agronomia do Brasil. Quase gabaritamos no ranking que tem norma máxima de 5,0. Parabéns à atual gestão e aos jovens colegas em formação. Estão honrando, com galhardia, o legado que as gerações passadas ali deixaram. ” 

A UFRGS registrou nos cursos avaliados nesta edição os maiores conceitos possíveis por faixa de avaliação: são 14 cursos na faixa 5 e outros dez na faixa 4. Além disso, três cursos da UFRGS são os melhores do Brasil, pois estão na faixa 5 e também obtiveram as mais altas notas no conceito contínuo (detalhado): Agronomia 4,9847; Engenharia de Controle e Automação: 4,9057; e Engenharia de Alimentos 4,8302. Nenhum curso da Universidade ficou nas faixas inferiores (3, 2 ou 1).

Conforme matéria publicada pela UFRGS, Carlos Alberto Bissani, diretor da Faculdade de Agronomia, afirma que o curso de Agronomia, um dos mais antigos da UFRGS, está bem qualificado por reflexo da comunidade da Unidade. Bissani destaca a importância da Estação Experimental Agronômica como um diferencial na formação dos alunos de graduação, que podem usar o espaço para pesquisa, ensino e extensão. O diretor ainda ressalta a boa posição do curso de Zootecnia (sétimo no geral).

A professora Simone Hickmann Flôres, diretora do Instituto de Ciência e Tecnologia de Alimentos (ICTA), uma das menores unidades da Universidade, afirma receber com orgulho a notícia de que o curso de Engenharia de Alimentos da UFRGS é o melhor da área no País. Ela credita o resultado à dedicação da equipe de técnicos, de professores e de alunos: “Todos são muito engajados. É o resultado do trabalho das pessoas envolvidas”.

Carla ten Caten, vice-diretora da Escola de Engenharia, onde é ofertado o curso de Engenharia de Controle e Automação, indica que a comunidade da Unidade está orgulhosa dos cursos que foram avaliados no ENADE 2019 e obtiveram excelente resultado. “Tivemos todos os cursos com notas 4 e 5 e o curso de Engenharia de Controle e Automação é o melhor do país! Nossos alunos são o nosso maior talento!”. Ela acrescenta: “E estamos promovendo a modernização nos cursos para se adequarem às novas competências da sociedade! Nossos alunos já têm um maior protagonismo na universidade e com isso tem mais impacto na sociedade. Nossos desafios são cada vez maiores e precisamos formar engenheiros com excelente desempenho!”.

Além dos cursos em primeiro lugar no geral, ainda se destacam nacionalmente as seguintes graduações da UFRGS: Engenharia de Produção (3ª posição na área);Odontologia (4ª posição); Engenharia Química (5ª); e Farmácia, Zootecnia e Engenharia Ambiental (7ª posição nacional em suas áreas). As provas foram aplicadas em 24 de novembro do ano passado.
 

Confira as faixas alcançadas pelos cursos da UFRGS avaliados no ENADE 2019: 

Cursos faixa nota 5 (máxima): Odontologia, Agronomia, Farmácia, Arquitetura e Urbanismo, Nutrição, Fisioterapia, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia de Alimentos, Engenharia Química, Engenharia de Produção, Engenharia Ambiental, Engenharia Hídrica*.

Cursos faixa nota 4: Medicina Veterinária, Medicina, Enfermagem, Fonoaudiologia, Zootecnia, Biomedicina, Educação Física (Bacharelado), Engenharia da Computação, Engenharia de Energia* [corrigido] e Engenharia Mecânica.

 

*O curso de Engenharia Hídrica realiza a prova de Engenharia Ambiental; assim como os estudantes de Engenharia de Energia fazem a prova de Engenharia Elétrica. 

 

Leia Também